Histórias TopPelotas

Ato falho de Ornel

O vereador Ademar Ornel (DEM), que teve a residência e o gabinete revistados pela Polícia Federal, na quarta-feira (7), por conta da Operação Dominus, que apura supostas fraudes da prefeitura na entrega de apartamentos do Programa Minha Casa Minha Vida, compartilhou no facebook um post do Amigos de Pelotas.

O post que Ornel compartilhou traz nota enviada ao site por Ivan Vaz, indicado pelo vereador Waldomiro Lima (PRB) para o cargo de secretário de Habitação e Regularização Fundiária, no governo Leite, onde teriam ocorrido as fraudes.

Ivan alega inocência, diz que não foi indiciado e que não fez delação alguma sobre o suposto esquema, em que estariam envolvidos Ornel e Waldomiro, além de agentes públicos.

Ao compartilhar o post, porém, Ornel cometeu um ato falho na mensagem de divulgação das palavras de Ivan, em que, como este, afirma estar tranquilo quanto à própria inocência.

Na última frase do compartilhamento, Ornel escreveu:

“Vamos aguardar o desfecho dos fatos com tranquilidade, seguindo com seriedade nosso trabalho voltado ao povo, principalmente aos mais favorecidos”.

Tags
Ver Mais

Conteúdos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close