Prefeitura envia nota ao site sobre coluna de Pablo Rodrigues no DP

Assessoria de Comunicação da prefeitura enviou a nota abaixo, a respeito de coluna escrita pelo jornalista Pablo Rodrigues, no Diário Popular. Mandaram pra gente porque o Amigos publicou texto comentando a coluna de Pablo. A nota abaixo foi enviada também ao DP. Segue…

A nota

O colunista Pablo Rodrigues descreveu sua tentativa em buscar notícias antigas sobre Ivan Vaz, ex-secretário de Habitação e Regularização Fundiária, no site da prefeitura de Pelotas. Sem encontrar o resultado esperado, indagou se o problema era técnico ou se era “queima de arquivo virtual”.

Trata-se de um problema técnico, já resolvido pela Companhia de Informática de Pelotas (Coinpel) nesta sexta-feira, dia 8 de junho. Vamos aos fatos. O site da prefeitura está no ar desde outubro 2001, tendo sido totalmente reformulado em outubro de 2017. A atual administração tomou o cuidado em migrar as mais de 45 mil notícias geradas neste período, pois compreende que se trata de um conteúdo importante e parte da história do município.

O trabalho de incluir e indexar todo esse volume de dados na nova plataforma durou dois meses, sendo concluído em dezembro de 2017. O novo site utiliza um dos mais modernos sistema de busca chamado “Elastic Search”.  Esse programa, no entanto, não indexou (registrou as palavras para busca) todo o conteúdo, deixando parte das matérias sem possibilidade de ser encontrada por uma expressão que não estava no título. Ou seja, “Ivan Vaz” não foi achado porque nunca foi utilizado em títulos.

Ao analisar o sistema, a equipe responsável pelo site também não encontrou registros de vários outros ex-secretários da gestão anterior, como Lúcia Müller, ex-titular da Secretaria de Educação, e Tiago Bündchen, ex-titular da pasta de Justiça Social. Constatando, assim, um problema no “Elastic”. Os técnicos da Coinpel detectaram o erro na indexação e “rodaram” o programa para atualizar, resolvendo o problema na busca.

Outras expressões, no entanto, puderam ser buscadas por estarem no título ou por terem sido indexadas corretamente, como é o caso relatado pelo colunista de Claudio Montanelli, ex-secretário de Trânsito e Transportes, e de Jacques Reydams, que na época comandava o Sanep.

O colunista disse que também buscou no site antigo, ainda no ar, alojado em outro servidor. Ao contrário do descrito pelo colunista, a expressão “Ivan Vaz” funcionou e a busca localizou vários links. Ao clicar na matéria, porém, não aparece o conteúdo diretamente, pois a URL foi alterada com a reformulação do site, sendo necessário trocar a descrição do link para ativar. Todas essas matérias, no entanto, estão disponíveis no site novo.

Cabe ressaltar que, até outubro do ano passado, o usuário do site não conseguia buscar conteúdos que não fossem notícias. A reformulação do sistema teve como objetivo adequar a pesquisa de acordo com a audiência do usuário, ou seja, o que as pessoas realmente buscam no site da prefeitura. Por isso, foi adotado um buscador geral de todo o conteúdo, focado principalmente em achar serviços, item mais procurado.

O “buscador” consegue localizar serviços, notícias e órgãos do governo municipal, tendo um sistema de busca capaz de filtrar qualquer conteúdo, desde que esteja indexado corretamente. O colunista, por sua vez, não procurou a prefeitura para pedir esclarecimentos. A constatação, no entanto, serviu para alertar sobre um problema essencialmente técnico e já superado.

Pablo

O site contatou Pablo sobre a nota da prefeitura. Ele respondeu: “Fico feliz que tenha, então, ajudado a prefeitura a corrigir o problema técnico”.

⊕ Da Redação – Em resumo, tudo parece ter sido causado devido a um problema no sistema de “Internet Dedicada”, com risco de se perder a conexão com a “Banda larga”.

Share:

Author: Da Redação

1 thought on “Prefeitura envia nota ao site sobre coluna de Pablo Rodrigues no DP

  1. Por falar em Coinpel e em Waldomiro Lima, não foi o filho do vereador que ocupou diretoria na empresa, segundo o noticiário da época, sem ter condições técnicas para fazê-lo?

Deixe uma resposta