Exames de pré-câncer: advogado vai ingressar com ação contra prefeitura

O advogado Arthur Jardel de Oliveira Soares vai entrar com uma ação civil nos próximos dias contra a Prefeitura de Pelotas e o laboratório SEG.

“Já temos mais de 30 documentos e exames feitos por Ieda (de Ávila). Queremos apurar se houve negligência ou imperícia do poder público e do laboratório. Ou ainda se há dolo eventual neste caso. Se nós percebermos que tem mais gente responsável, vamos atrás.”

Ieda de Ávila, de 51 anos, dona de casa e mãe de 10 filhos, recebeu dois exames de negativo para câncer de colo do útero em Pelotas, feitos em 2015 e 2017. Mas, depois, uma biópsia confirmou o tumor maligno no útero.

Author: Da Redação

Deixe uma resposta