Pesquisa Index mostra corrida ao Piratini

Pesquisa do Instituto Index divulgada com exclusividade pela Revista VOTO neste domingo (29) mostra que o governador José Ivo Sartori (MDB) lidera o primeiro turno ao governo do Estado do Rio Grande do Sul.

O levantamento ocorreu entre os dias 16 e 21 de julho. Foram 1.217 entrevistas realizadas em 30 municípios. A margem de erro é de 2,9% para mais ou para menos, com um intervalo de confiança de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número RS-00264/2018.

30,7% dos eleitores ouvidos não sabem em quem votar para o Palácio Piratini. Além disso, 8,3% afirmaram que vão anular ou votar em branco, e 1,6% preferiram não responder o questionário.

Intenções de voto

  • Sartori (PMDB): 24,1%
  • Miguel Rossetto (PT): 11,3%.
  • Jairo Jorge (PDT): 10,4%,
  • Eduardo Leite (PSDB): 6,4%.
  • Roberto Robaina (PSOL): 2,9%
  • Abigail Pereira (PCdoB): 2,5%
  • Luis Carlos Heinze (PP): 1,6%
  • Mateus Bandeira (Novo): 0,3%.

Para o diretor do Instituto Index, Caco Arais, a pesquisa evidencia que o quadro eleitoral está bastante aberto. “Num cenário com perguntas induzidas oferecendo oito opções, o índice de não sabe e sem respostas chega a 32,3%. Todos os candidatos têm chances reais de avançar”, avalia.

No entanto, o cientista político destaca que a tendência do eleitorado gaúcho é de escolher um candidato, na contramão de uma expectativa de descrédito com a política. “O número de brancos e nulos foi de apenas 8%, um índice baixo”, analisa.

Rejeição

  • Sartori também: 28%
  • Miguel Rossetto: 9,2%
  • Abigail Pereira: 8,7%
  • Eduardo Leite: 7%
  • Jairo Jorge: 4,6%
  • Mateus Bandeira e Roberto Robaina: 3,4% cada.
  • Luiz Carlos Heinze (PP), com 3,3%.
Share:

Author: Da Redação

Deixe uma resposta