Cinema: A festa

Janet (Kristin Scott Thomas) faz parte de um partido progressista e acaba de ser nomeada Ministra da Saúde. Para comemorar, convida os amigos do partido para um jantar em sua casa.

Entre os convidados estão, além do marido Bill (Timothy Spall), a melhor amiga April (Patricia Clarkson) e seu namorado Gottfried (Bruno Ganz), o casal Martha (Cherry Jones) e Jinny (Emily Mortimer) e Tom (Cillian Murphy), um especulador financeiro.

Escrito e dirigido pela cineasta britânica Sally Potter e com apenas 70 minutos de duração, A Festa leva seus personagens ao extremo. Entre segredos e hipocrisias, eles colocam pra fora todos os sentimentos reprimidos por anos.

Embora pareça, o filme não é inspirado em uma peça de teatro. Digo isso pelo longa situar-se em apenas um cenário e pelo fato de que os personagens estão todo o tempo em cena. Aliás, eles nunca abandonam o local, mesmo quando a situação torna-se insuportável. A produção acerta ao apostar em tomadas fechadas, movimento ágil de câmera e uma bela fotografia em preto e branco.

Sally Potter: diretora de A Festa

O filme se destaca por saber explorar todos os excelentes personagens, dando o devido tempo para todos se sobressaírem.

Enquanto Janet é racional, April é cínica e dona das melhores frases. Gottfried faz o tipo místico e Bill mantém a notoriedade de um brilhante professor, mesmo após disparar duas chocantes revelações. Martha e Jinny acabam de descobrir a gravidez de trigêmeos e Tom está visivelmente nervoso, cuja esposa Marianne, assistente de Janet, está atrasada para a festa.

Os integrantes dessa classe média inglesa vão desmoronando aos poucos.

Para interpretá-los, sete atores impecáveis. Kristin Scott Thomas e Timothy Spall dividem a maior carga dramática, Patricia Clarkson está fantástica e Bruno Ganz garante as risadas, roubando todas as cenas em que aparece.

Uma comédia ácida e divertida, A Festa tem um elenco em perfeita sintonia e uma sacada brilhante do roteiro em sua conclusão. Imperdível!

Share:

Author: Montserrat Martins

Deixe uma resposta