Setembro “Amarelo”

As coisas heroicas são suicidas.

Eu, você, todos conhecemos gente que, para evitar o suicídio social, só faz coisas convenientes. Isso eu até posso compreender. O que não entendo é o fato de alguém se sentir “superior” por ser tão elementar.

A maioria de nós “amarela”, eis a questão.

“Amarelar” pode salvar a pele, mas quase nunca nos faz feliz.

Share:

Author: Rubens Spanier Amador

Obrigado por participar.