Bolsonaro se pronuncia contra a violência

Jair Bolsonaro foi ao Twitter agora à noite para dizer que dispensa os votos e “qualquer aproximação” de quem pratica violência contra quem não vota nele.

É uma resposta do presidenciável do PSL às acusações de agressão envolvendo seus seguidores.

Bolsonaro afirmou também que há um “movimento orquestrado” para forjar agressões e ligar seu nome ao nazismo —“que, assim como o comunismo, repudiamos completamente”, escreveu.

Share:

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.