Só porque achei o Luciano Hang legal, reclamaram comigo

Outro dia entrevistei o Luciano Hang, da Havan, que vai inaugurar uma de suas lojas em Pelotas até julho, gerando 400 empregos, segundo ele, exclusivamente para pelotenses. Fiz um elogio ao empresário na minha página pessoal. Pra quê?

Tenho amigos e parentes de todos os matizes ideológicos. Hj em dia eu procuro me dar bem com todos.

Mas alguns me recriminaram. Em síntese, disseram: “Como pode tu simpatizar com um cara desses, de extrema-direita, fã do Bolsonaro”.

Eu compreendo a reação, mas, no ponto da vida em que estou, não a justifico.

Sou jornalista. Entrevistei um empresário que está abrindo uma super loja na cidade e que vai dar 400 empregos.

O cara foi legal, atencioso, me tratou bem, civilizadamente, mandou até uma mensagem gravada em vídeo pro site.

Animado, alto-astral, é positivo e está fazendo uma coisa maravilhosa, abrindo uma frente de empregos numa cidade carente deles.

Merece meu respeito profissional e pessoal. Foi legal ele. E fim. Não é não?

© Rubens Spanier Amador é jornalista.

Facebook do autor | E-mail: rubens.amador@yahoo.com.br

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.