Procuradoria recomenda afastamento de gerente administrativo da UFPel

O Ministério Público recomendou o afastamento de Mateus Santin, gerente administrativo, por reclamações de assédio moral contra servidores da Universidade Federal de Pelotas.

Os casos foram denunciados na Procuradoria por cerca de 12 funcionárias do Hospital Escola.

O site ligou agora para o vice-reitor, Luís Amaral, mas os telefones dele estão desligados.

Vamos seguir tentando contato, para acrescentar a posição da Reitoria. E a posição de Mateus, se ele falar.

Nos links abaixo, mais informações sobre os casos de assédio moral.

Assédio moral na UFPel. Alguns exemplos de bulling administrativo denunciados

Funcionários da UFPel denunciam assédio moral

https://amigosdepelotas.com.br/2019/02/22/assedio-moral-casos-ufpel-e-um-atentado-a-dignidade-humana/

© Rubens Spanier Amador é jornalista.

Facebook do autor | E-mail: rubens.amador@yahoo.com.br

3 thoughts on “Procuradoria recomenda afastamento de gerente administrativo da UFPel

  1. Já trabalhei com Mateus Santin na época que eu era analista de redes e ele era chefe da TI do Hospital, antes de ele ser gerente administrativo. Nunca houve assédio moral comigo ou meus colegas. Não acredito nessas acusações. Torço que tudo se resolva logo e que ele possa seguir com seu bom trabalho característico.

  2. Sinceramente, espero que o Gerente Administrativo não seja afastado. Desde que entrei para a EBSERH, me tratou sempre bem e nunca o vi tratar ninguém mal. A pressão de trabalhar num hospital é grande, já que visamos proporcionar atendimento adequado aos seus usuários, e algumas pessoas não conseguem lidar com isso.

    1. Não tenho reclamaçoes dele, Alias das x que precisei conversar sempre fui bem recebida e oq mais me chamou atenção foi no compromisso com sua palavra pois quando ficou de me retornar em uma resposta logo a tinha. Foi o único q levou minha causa a sério.
      Espero sinceramente que o Gerente administrativo Mateus Santin não seja afastado e q possam avaliar tais acusações .

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.