Leite socorre Paula com verba de R$ 1,2 milhão para a Saúde

Do site da prefeitura – Pelotas vai receber R$ 1.219.955,02 para a área da Saúde, por conta dos repasses atrasados do governo gaúcho. Além disso, serão disponibilizados 100% do passivo de janeiro deste ano para a Prefeitura e, para os hospitais públicos e filantrópicos, ainda serão pagos mais 50% referente a fevereiro.

“É um aporte financeiro muito importante em um momento de grave crise na saúde, quando a responsabilidade por encontrar soluções acaba recaindo sobre os Municípios. Esse gesto do governador Eduardo Leite demonstra o seu compromisso e funciona como uma mensagem de esperança para os gestores municipais, que podem esperar a normalização dos repasses para a garantia dos serviços prestados por uma área tão prioritária como é a saúde”, comentou a prefeita Paula Mascarenhas sobre o anúncio.

O governo gaúcho está determinado a regularizar os pagamentos à saúde dos municípios. Em reunião com a Federação das Associações de Muncípios do Rio Grande do Sul (Famurs), realizada em Torres nesta semana, o governador Eduardo Leite anunciou a liberação de R$ 65,5 milhões para recuperar parte da dívida com a área e, a partir de março, iniciar o processo para pôr em dia os atrasados, além dos repasses mensais.

O programa de regularização da dívida, que ultrapassa R$ 1,1 milhão, inclui os repasses aos municípios, dentro de R$ 486 milhões já empenhados e liquidados que permanecem como restos a pagar, enquanto R$ 639 milhões ainda não foram empenhados. O governo do Estado está disposto a parcelar o pagamento em 36 vezes.

Repasse referente a 2019

Os recursos referentes a janeiro são para compromissos com diversas habilitações da saúde, como Samu, saúde da família, PIM, remédios, saúde prisional e outros. Considerando o Município já ter pago os compromissos daquele mês, poderá discutir em que aplicar o repasse, no qual não está incluída a assistência hospitalar.

O Estado coloca à disposição dos prestadores de serviços (assistência hospitalar) o Fundo de Apoio Financeiro e de Recuperação dos Hospitais Privados, Sem Fins Lucrativos, e Hospitais Filantrópicos (Funafir), através do Banrisul.

Funcionários da Santa Casa ameaçam greve na segunda-feira

Prefeitura manda nota sobre fechamento da Traumatologia da Santa Casa

Mulher que morreu em parto na Santa Casa terá corpo exumado

Governo Leite libera nota sobre crise na Santa Casa

Vídeo: Mulher denuncia lixo acumulado na Santa Casa

Santa Casa de Pelotas está sem dinheiro e fecha Traumatologia

Vídeo: Funcionários da Santa Casa fazem protesto por salários. ‘O provedor, cadê vc, eu vim aqui pra receber’

Reclamações de falta de medicamentos no Ceron da Santa Casa continua

Santa Casa esclarece falta de medicamentos para oncologia

Hospitais filantrópicos e santas casas terão linha de crédito de R$ 90 milhões

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.