Funcionário de UBS diz que Decreto do Feriadão traz uma dificuldade

Abaixo:

“Sou servidor e trabalho em uma UBS, por esse motivo não gostaria de ser identificado.

Gostaria de observar que o Decreto de Feriadão, assinado ontem pela prefeita (até aí tudo bem) traz uma dificuldade.

O que me leva a escrever é o fato de o expediente de sexta-feira, dia 01/03/2019, ser até às 14 horas, inclusive nas UBS da cidade.

Ou seja, o paciente que não consultar, seja para pegar uma receita de medicamentos de uso continuo, requisição de exames ou algo mais grave, na sexta-feira pela manhã em uma UBS, tyerá de esperar até a quarta-feira para fazê-lo nas UBS.

Ficará dependendo, nesse período, exclusivamente da UPA e do já sobrecarregado Pronto Socorro, sendo que ambos não fornecem receitas e uso continuo nem requisições de exames.

No meu ponto de vista, acho um desrespeito com os usuários e uma sobrecarga desnecessária aos serviços de urgência do município.

Obrigado”.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.