Página por Cláudia Hartleben relembra professora desaparecida

Página Desaparecida Cláudia Hartleben continua no ar, ativa na cobrança por justiça para o desaparecimento da professora da UFPel.

A última postagem mostra o tapapó da servidora.

Ela despareceu de forma misteriosa há quatro anos, em abril de 2015.

O Ministério Público acusou o ex-marido, mas o juiz não acolheu a acusação, convencido de que faltavam provas suficientes.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.