Viúva de Marcos Furtado, que morreu no Pronto Socorro, vai processar prefeitura por negligência

Michele Sias Furtado, viúva de Marcos André Rodrigues Furtado, morto no Pronto Socorro de Pelotas, diz ao Amigos de Pelotas que vai processar judicialmente a prefeitura – por negligência no atendimento ao marido.

Quando noticiou o caso, há uma semana (veja abaixo), o Amigos avisou que a família iria fazer um protesto neste sábado (2), em frente do PS. Houve o protesto.

Depois dele, Michele falou:

“Gostaria de acrescentar à minha indignação pela morte do Marcos a minha redobrada indignação, agora com a  versão da diretora do PS. Ela disse que meu marido “teve todo o apoio médico e que foi, em outras palavras, uma fatalidade”.

“Isso é mentira!” – enfatizou.

“Marcos jamais recebeu atendimento médico necessário. Digo isso porque estive lá, ao lado dele, todo o tempo. Estou revoltada”.

Família organiza protesto no Pronto Socorro pela perda do pai, Marcos

Diretora do Pronto Socorro nega negligência na morte de Marcos Furtado

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.