Eduardo Bolsonaro: ‘Arma faz tão mal quanto carro’

Comentando o massacre em Suzano, Eduardo Bolsonaro disse que armas não servem apenas para matar e comparou o objeto a um automóvel.

“A gente sempre cai na argumentação de que arma é um pedaço de metal, faz tão mal quanto um carro. Ou seja, para fazer mal, precisa de uma pessoa por trás dela. Armas não matam ninguém, quem mata são pessoas. Pode usar arma, pistola, faca, pedras”, disse o deputado.

O filho de Jair Bolsonaro também defendeu a realização de um estudo sobre o uso defensivo das armas.

“Armas não servem só para matar, servem para defender. Quem é do meio policial sabe, e eu já passei por uma situação dessas, [em] que você exibindo uma arma de fogo evita um roubo ou algo pior, até uma morte. Só que isso não é registrado em lugar nenhum.”

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.