Caso Mirella revelou falha de vigilância na UFPel

Nas investigações sobre o desaparecimento da estudante Mirella, da UFPel, a polícia descobriu que a Universidade não possui câmeras de segurança na entrada do Campus.

Por isso não foi possível aos policiais determinar a hora em que ela deixou a UFPel.

Por que a polícia cogita que Mirella tenha se afogado

 

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.