Designer está há 10 dias sem medicação para esclerose múltipla

O designer Jeferson Sigales vem enfrentando dificuldades para encontrar na rede de saúde um medicamento essencial para o tratamento da Esclerose Múltipla.

Registrou ele no face:

“Sem a medicação, os sintomas começam a surgir e pode ter um agravamento da doença. Após 14 dias sem a medicação, tem que internar para fazer nova primeira dose da medicação e a doença pode retroceder a estágios iniciais.

Esta medicação deveria ser distribuída pelo Governo do Rio Grande do Sul.

A secretária Estadual da Saúde, Arita Bergmann, esta ciente da falta da medicação.

A 3ª Coordenadoria de Saúde do RS (Rôde), responsável por Pelotas e região, também já esta ciente da falta”.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.