Por 1 segundo a gente pensou que a prefeitura estava ‘aprontando’

Hoje aconteceu uma coisa engraçada.

A gente sempre recebe releases oficiais e procura publicar o que parece ter utilidade pública.

Hoje chegou o release abaixo.

Título:

“Pelotas dá boas vindas a visitantes da APRONTEC”

Na hora, a equipe pensou que a notícia não indicava coisa boa…

Aprontec…

O nome não pareceu bom.

Depois a gente entendeu, lendo a matéria, que houve, certamente sem querer, uma mudança involuntária da letra ‘n’.

Onde o título diz Aprontec, a matéria diz Anprotec.

A posição do n muda toda a percepção.

Felizmente, a gente detectou a tempo.

Porque certamente alguém poderia adormecer com uma vaga sensação de desconforto.

Este registro não é por mal.

É o tipo de coisa que acontece muito com quem trabalha em comunicação. A gente mesmo comete esses desliezes. Ops.

Pareceu apenas irresistível não fazer o registro, porque é mais um sinal da vida.

Engano, coisa da vida, coisa que nos faz humanos.

Somos humanos quando nos damos conta de que estamos errados.

Abaixo, o release enviado pela prefeitura. É interessante.

Prefeita dá boas-vindas a visitantes da Aprontec

Por Daiane Santos | da prefeitura |

Nessa terça-feira (19), a primeira edição da Missão Nacional Anprotec Rio Grande do Sul passou por Pelotas, onde conheceu a infraestrutura do Pelotas Parque Tecnológico e de algumas empresas de tecnologia da cidade.

O grupo formado por pessoas de todo o país – a maioria representantes de parques e centros de tecnologia integrantes da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) – foi recebido pela prefeita Paula Mascarenhas e a diretora executiva do Parque, Rosani Ribeiro.

Elas contaram um pouco da história do local e de como Pelotas vem evoluindo na área de tecnologia, tornando-se referência em inovação. Em sua fala, a prefeita destacou as parcerias com as Universidades e Institutos de Tecnologia da cidade, além da associação com empresas do ramo, que apostaram na ideia e hoje lotam as dependências do centro.

“Essa união entre quem produz conhecimento e quem produz riqueza deu ao Parque consistência, fruto também dos dez anos em que a ideia ficou sendo amadurecida”.

Durante a visita, a superintendente executiva da Anprotec, Sheila Pires, agradeceu a recepção e elogiou o município pela infraestrutura tecnológica. “O trabalho do Pelotas Parque Tecnológico é uma referência para todos os outros e nos estimula a continuar buscando e trabalhando pelo setor”.

O município é uma das cinco cidades a acolher o evento, que vai até sexta-feira (22). Os participantes conhecerão o ecossistema de inovação gaúcho, que vêm realizando esforços significativos em relação a investimentos e a políticas de ciência e tecnologia e inovação.

Pelotas da tecnologia

Após almoço no Parque, Rosani acompanhou os integrantes da Missão em uma visita para conhecer as instalações do local, apresentando algumas das 52 empresas de tecnologia instaladas no espaço. Os visitantes também conheceram modelo de cadeira de rodas produzido pela Freedom, além de projeto de realidade virtual que está sendo desenvolvido dentro do Parque.

Na programação, encontro com os responsáveis pela Lifemed, na sede da empresa. “A ideia é mostrar Pelotas como um grande parque tecnológico, cuja capacidade de inovação vai além das paredes físicas do nosso Parque e se estende a uma gama variada de produções, nem todas instaladas no parque”.

Organizado pela Rede Gaúcha de Ambientes de Inovação (Reginp), a atividade conta com o apoio do Sebrae RS e da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs).

Presenças

Além da prefeita e da diretora executiva do Parque, participaram do encontro o secretário de Desenvolvimento, Turismo e Inovação, Gilmar Bazanela, o diretor presidente da Coinpel e diretor administrativo do Parque, Cristian Küster, a chefe de Gabinete da prefeita, Kelli Schaefer, e membros do conselho responsável pela gestão do local.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.