Por ora prefeitura não se manifesta sobre cota para mulheres

Não é, mas poderia ser, da esq. para direita, a partir da pessoa central, a prefeitura e o procurador do município, de óculos.

Jornal consultou a prefeitura sobre projeto aprovado ontem pela Câmara, prevendo cotas para mulheres na prefeitura etc. (veja abaixo), de autoria da vereadora do PSOL, Fernanda Miranda.

A resposta da assessoria de Comunicação foi:

“Por ora, a prefeitura não vai se manifestar. O projeto ainda virá para a PGM (Procuradoria Geral do Município), depois para a prefeita, para análise. A Procuradoria não ainda não tem conhecimento da proposta”.

Câmara aprova projeto que reserva cota mínima de 5% de mulheres nas chefias da prefeitura e nas prestadoras de serviço

“Creio ser ilegal”, diz advogado e professor, sobre cota na prefeitura

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.