Paula foi ao MP por rodas de samba no Mercado

Clotilde Vitória, assessora especial da prefeita, disse que Paula Mascarenhas esteve no Ministério Público para pedir ao promotor André de Borba que as rodas de samba voltem ao Mercado, assim como demais apresentações musicais no prédio histórico.

A prefeitura seguiu recomendação do MP de suspender as apresentações, mas tenta chegar a um meio termo que as torne possíveis, como som mais baixo, horários específicos etc.

Retórica ‘racial’ tenta retorno de rodas de samba do Mercado

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.