Que acontece agora, após aprovação da PEC do Plebiscito?

Após a vitória com folga (40 a favor, 17 contra) na primeira votação da proposta de emenda à Constituição que elimina a exigência de plebiscito para vender CEEE, Sulgás e Companhia Riograndense de Mineração (CRM), o governo Leite espera garantir até o fim deste semestre autorização definitiva da Assembleia Legislativa para levar adiante as privatizações.

Leite pretende, com a ajuda do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), iniciar a formatação dos editais.

Como estabelece mudança constitucional, a PEC ainda precisa passar por mais uma votação no plenário.

Como votaram deputados na PEC que acabou com plebiscito para privatizar estatais gaúchas

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.