Governo manifesta pesar pela morte de PM e solidariedade aos familiares

O governador Eduardo Leite e secretário da Segurança Pública, delegado Ranolfo Vieira Júnior, lamenta a morte em serviço do policial militar Fabiano Heck Lunkes, 34 anos, ocorrida nesta madrugada.

O soldado da Brigada Militar foi atingido em confronto durante perseguição a criminosos, após ataque a banco ocorrido em Porto Xavier, no noroeste gaúcho. Fabiano Heck Lunkes completaria dez anos de serviços prestados à instituição em 2019 e atuava no 7º Regimento de Polícia Montada, em Cerro Largo.

O Governo do Estado solidariza-se com os familiares e amigos e com a corporação, que bravamente atua em defesa da sociedade gaúcha, e presta sua homenagem ao soldado pela coragem e dedicação ao longo da sua trajetória na BM. O Estado prestará assistência à família.
As forças de segurança não medirão esforços para capturar e prender os responsáveis pelo roubo e pela morte do PM.

Share:

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.