Adélio será mantido em prisão de segurança máxima

Na sentença de Adélio Bispo de Oliveira, o juiz Bruno Savino determinou que ele fique internado por tempo indeterminado no presídio de segurança máxima de Campo Grande, onde já está preso e continuará a ser tratado.

Ele ficará retido enquanto apresentar quadro de alta periculosidade — o próximo exame, para verificar se continua a oferecer risco à segurança pública, só será feito daqui a 3 anos.

“O atentado praticado pelo acusado tomou grande e importante repercussão na mídia e nos mais diversos meios sociais e, diante da acentuada polarização política verificada na última eleição presidencial, não é leviano dizer que ele poderia ser exposto a uma situação de perigo ou mesmo risco de morte, caso viesse a ser inserido em um ambiente onde houvesse convivência diuturna com outros internos”.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.