Idealiza assina na 2ª primeiros contratos de venda do Inn, sexto prédio do Parque Una

O Inn foi projetado para pessoas que veem o lar como um retiro

Na próxima segunda-feira (24), a Idealiza Verticais recebe clientes para a assinatura dos primeiros contratos de venda dos apartamentos residenciais do ‘Inn’, sexto prédio do Parque Una, bairro planejado arquitetônica e legalmente, às costas do Shopping Pelotas, como empreendimento autossustentável, Associação de Moradores com receita própria e autonomia para gerir o novo espaço urbano, que possui características singulares em relação à cidade (leia mais nos links no pé). 

O slogan do Inn, válido para o Una como um todo (“Um encontro de parque e alma”) é mais que um slogan. Ele sintetiza a essência do estilo de comunicação da empresa para definir o bairro.

Mesmo que os projetos arquitetônicos, os materiais de construção e a logística do Una sejam de primeira linha, a Idealiza não vende ostentação e sim a melhoria qualitativa da vida, ultrapassando o mero conceito tradicional de luxo ao eleger como principal valor o bem-estar global das pessoas, conforto, comodidade, satisfação, saúde, decorrentes da interação com um ambiente acolhedor, imerso em natureza, que favorece a inspiração, os relacionamentos e o próprio trabalho.

Cada prédio, cada canteiro, tudo foi pensado para nutrir o ecossistema do bairro.

 

A expectativa dos empreendedores é de novo sucesso de vendas, pela elevada procura, como ocorreu com os lançamentos anteriores. Dos cinco prédios comercializados antes do Inn, até agora 80% das unidades foram vendidas.

O térreo do Inn já foi alugado. Abrigará um mercado, o VIZINN.

Trata-se de um belo prédio, incomum na cidade, como os demais do bairro.

Os terraços do Inn, projetados com tamanhos de área diferentes, recuados à medida que os andares sobem, formam, à distância, na mente de uma pessoa poética, como que uma escada a ser escalada por algum gigante curioso com o céu.

Térreo foi alugado para um mercado, o VIZINN

Inn

Terraço do Inn. Ao fundo, os quatro prédios já comercializados

 

Primeiros tempos do Parque Una, avistados lá de 2030

Fabiano de Marco em busca do paraíso perdido

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.