Lula vai ser julgado na Segunda Turma, e não no plenário do STF

Dias Toffoli disse a jornalistas que a soltura de Lula vai ser julgada pela Segunda Turma, e não pelo plenário:

“Já houve dois julgamentos de habeas corpus do Lula no plenário, agora a decisão deve ser no caso específico.”

A decisão de inocentar Lula e condenar Sergio Moro, portanto, está nas mãos de Celso de Mello, voto de Minerva na Segunda Turma.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.