Coisas que a falta de dinheiro anda fazendo em Pelotas

Alguns casos, para ter ideia da dificuldade financeira que atravessamos:

Funcionários da Santa Casa preparam manifestação para esta sexta-feira, protestando contra o atraso nos salários, que alcança dois anos.

Rogério Zimmermann deixou o cargo de técnico do Xavante por atraso no pagamento dos salários dos jogadores.

Uma professora da UFPel foi demitida porque, mesmo ganhando adicional por Dedicação Exclusiva à Universidade, prestava, em paralelo, serviços extras para instituição privada, proibição expressa em lei.

Prefeita Paula Mascarenhas embargou a voz numa palestra sobre a grave situação das contas da prefeitura.

Governador Eduardo Leite, que na campanha prometeu não parcelar salários, eleito, começou a parcelar os pagamentos do funcionalismo.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.