Funcionários da Santa Casa reclamam contra atrasos no pagamento de salários

Funcionários da Santa Casa de Pelotas telefonam para o jornal para informar que continuam enfrentando o problema do atraso nos salários. Um problema que se estende há dois anos.

Dizem que uma manifestação está prevista para às 13h de hoje, em frente do Hospital, reclamando uma solução definitiva e com disposição de greve.

Os salários são pagos parceladamente pela direção, um parte no começo do mês, outra no fim, como ocorreu em junho, quando pagaram 30% no começo do mês e o restante no fim.

Neste julho, porem, a primeira parcela não foi depositada ainda, dizem os denunciantes.

“Além disso, como o Hospital não avisa os dias de pagamento, somos obrigados a ficar monitorando o banco por aplicativo, uma situação inquietante, porque desorganiza a nossa vida pessoal”, lamentam os funcionários, pedindo para não ser identificados, com receio de represálias.

“Há funcionários adoecendo, sendo despejados. A situação é: ou pagamos contas ou compramos comida”.

Há cerca de três meses, houve a expectativa de normalização, com liberação de linha de crédito do governo do estado para Santas Casas e o início de uma auditoria do Hospital Sírio-Libanês na instituição pelotense, mas os atrasos no pagamento dos salários permanecem, produzindo, segundo eles, mal-estar, gente fazendo empréstimo para pagar contas e alimentação.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.