Ação judicial de mulher empurrada na piscina do Dunas Clube avança

O caso da mulher empurrada na piscina do Dunas Clube em abril passado teve desdobramentos judiciais.

A mulher ingressou com uma ação contra o autor do empurrão, um advogado.

No dia 23 de Setembro passado, no Foro de Pelotas, ocorreu a Audiência Conciliatória – JECRIM – no Juizado Especial Criminal.

Deveriam estar presentes o autor e a vítima.

Ela foi, ele não.

Mulher empurrada por homem em piscina do Dunas Clube dá queixa na polícia

Opinião de Lúcio Castagno, conselheiro do Dunas, sobre incidente no clube

‘Perfeito clima de confraternização’ diz colunista sobre festa do Dunas

Precisamos falar sobre o Dunas

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.