Servidora ganha R$ 3 mil do programa Nota Legal

A funcionária pública Simone Magalhães foi a vencedora da 4ª edição do programa Nota Legal Pelotense e a levou, nesta segunda-feira (7), o prêmio de R$ 3 mil.

Ela foi contemplada com o maior prêmio por um ato simples: pedir a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) na escola das filhas.

“Foi a primeira vez que me cadastrei e acabei sendo sortuda. Em tempo de crise, todo dinheiro é bem-vindo pra colocar as contas em dia”, contou a servidora.

Como participar

Qualquer pessoa pode participar do Nota Legal Pelotense. O interessado deve se cadastrar na página da Internet do programa e, após, solicitar a NFS-e, com CPF, ao contratar serviço prestado na cidade. Dessa forma, o participante concorre a prêmios em dinheiro, que vão de R$ 250,00 a R$ 3 mil.

São válidas todas as notas emitidas por serviços prestados por empresas, como academias, escolas particulares, creches, lavanderias, construtoras, salões de beleza, clínicas de saúde, oficinas mecânicas, empresas de vigilância e limpeza, estacionamentos, cartórios e tabelionatos, além de imobiliárias – serviços de corretagem e administração. Os sorteios são extraídos pela Loteria Federal.

O Nota Legal Pelotense tem o objetivo de estimular a população a solicitar a nota fiscal. Com isso, o Município incrementa a arrecadação do Imposto Sobre Serviço (ISS), aumentando a capacidade de investimentos em áreas estratégicas, entre elas saúde, educação e infraestrutura.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.