“Os gastos sigilosos do cartão corporativo de Dilma”

O jornalista Lúcio Vaz, que trabalha em Brasília e mantém um blog na Gazeta do Povo, investigou os gastos feitos pela então presidente Dilma Rousseff com o cartão corporativo da Presidência.

Ele utilizou Lei de Acesso à Informação para obter os registros.

Registrou ele:

“O blog analisou os relatórios do governo Dilma e descobriu gastos extravagantes, como garrafa de cachaça por R$ 380 e compra de camarão rosa tamanho GGG por R$ 230 o quilo. Há ainda o aluguel de uma lancha para passear por R$ 30 mil. Todos os valores foram atualizados pela inflação.”

O jornalista apurou ainda gastos com a lavagem de roupa de cama, mesa e banho, R$ 3,8 mil. Também foram gastos R$ 340 com o aluguel de filmes clássicos na Cult Vídeo.

Leia na íntegra AQUI.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.