UFPel oferece formação em algumas das ‘profissões em alta do LinkedIn’, mas em cursos com outros nomes

As Universidades em Pelotas não possuem cursos de graduação específicos para as 15 profissões em alta no Brasil em 2020 apontadas pela LinkedIn, rede social de carreiras e profissões.

Segundo o relatório, 13 dos 15 cargos estão ligados à tecnologia da informação e internet, com o Gestor de Redes Sociais, primeira posição do ranking. Das instituições locais, a UFPel é a que mais se aproxima de uma sintonia com aquelas profissões emergentes. 

O fato de a UFPel não possuir graduação nas profissões listadas pelo LinkedIn não quer dizer, porém, que não haja formação em algumas daquelas novas profissões, cujos conhecimentos, segundo o reitor Pedro Hallal, são transmitidos dentro de cursos com outros nomes. Algumas daquelas profissões (embora não todas) são contempladas por cursos vigentes.

Comenta Hallal: 

“A UFPel oferece muitos cursos relacionados às áreas profissionais anunciadas pelo LinkedIn, mas com nomes diferentes. A maioria dos cursos listados pela rede social são sub-áreas de cursos nossos, como Design Digital, Design Gráfico, Ciência da Computação, Engenharia da Computação. Em Inteligência artificial, aliás, temos laboratório novo. De qualquer forma, informações sobre o mercado profissional são bem-vindas e podem resultar em cursos novos”.

Confira abaixo as 15 profissões que estarão em alta no Brasil em 2020:

1. Gestor de mídias sociais

O Gestor de mídias sociais aparece como a profissão com maior destaque para esse ano. O profissional é encarregado de liderar a equipe de social media da empresa.

Entre as responsabilidades, estão planejar a estratégia de conteúdos, monitorar o acesso e interação dos usuários com a companhia, além de de avaliar dados importantes que são coletados nas redes sociais.

Entre os cinco conhecimentos primordiais listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com marketing digital, redes sociais, Adobe Photoshop e Adobe Illustrator.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de publicidade e marketing e mídias online.

2. Engenheiro de cibersegurança

A segurança cibernética é hoje um fator crítico para o sucesso de qualquer negócio digital, já que ataques hacker podem causar bilhões em prejuízos em pouquíssimo tempo.

A função de um engenheiro de cibersegurança é criar mecanismos e sistemas que garantam a segurança dos dados da empresa.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de tecnologia da informação e serviços correlatos, desenvolvedores de software para computadores e serviços financeiros.

3. Representante de vendas

O representante de vendas é a pessoa que vai trabalhar na representação comercial da companhia, atuando diretamente na área de vendas de produtos ou serviços. Além disso, o cargo é responsável pela comunicação permanente e constante com o clientes da companhia.

Os cinco conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão são a familiarização com outbound Marketing, inbound marketing, pré-venda, vendas internas e prospecção.

Os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são: tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet e desenvolvedores de software para computadores

4. Especialista em sucesso do cliente

O especialista em sucesso do cliente é o profissional responsável por garantir que a relação entre a empresa e seu cliente final gerem os resultados que o consumidor espera. A profissão tem como objetivo mostrar ao cliente que a empresa não entrega apenas bons serviços ou produtos, mas também uma experiencia de qualidade.

O LinkedIn cita como conhecimentos importantes a familiarização com inbound marketing, auxílio no sucesso do cliente, relações com o cliente, marketing digital e experiência do cliente.

Os setores de tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet e desenvolvedores de software para computadores são os que mais devem ter demanda para esse tipo de profissional no ano.

5. Cientista de dados

Os cientista de dados são especialista analíticos que possuem grande conhecimento em matemática e programação, mas também são bons observadores que sabem analisar e entender tendências.

A repentina procura por profissionais dessa área se dá por conta de como as empresas pensam hoje sobre big data e os avanços com inteligência artificial e da tecnologia no geral.

Familiarização com machine learning, ciência de dados, linguagem Python, linguagem R e ciência de dados são essenciais, de acordo com a rede social.

Tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet, bancos e desenvolvedores de software para computadores são setores com forte demanda por esse tipo de profissional.

6. Engenheiro de dados

Enquanto os cientistas de dados são a parte mais analítica dos dados, os engenheiros são os responsáveis pela construção da infraestrutura de dados, sendo um profissional com foco na construção e manutenção de sistemas de armazenamento e processamento de dados.

Entre os conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com Apache Spark, Apache Hadoop, grandes bancos de dados, Apache Hive e a linguagem de programação Python.

O profissional será bastante buscado por setores como tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet, bancos e desenvolvedores de software para computadores.

7. Especialista em Inteligência Artificial (IA)

O especialista em Inteligência Artificial é o responsável por desenvolver e pesquisar novos algorítimos com o intuito de criar sistemas inteligentes e independentes por meio da tecnologia e da programação.

Os cinco conhecimentos importantes mencionados são familiarização com machine learningdeep learning, linguagem de programação Python, ciência de dados e Inteligência Artificial (IA).

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet, desenvolvedores de software para computadores e instituições de ensino superior.

8. Desenvolvedor em JavaScript

Um desenvolvedor em JavaScript é responsável por programar e implementar sistemas em JavaScript, uma linguagem de programação estruturada. Junto com o HTML e CSS, o JavaScript é uma das três principais tecnologias do mundo da internet.

Entre os cinco conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com React.js, Node.js, AngularJS, Git e MongoDB.

Os setores de tecnologia da informação e serviços correlatos e desenvolvedores de software para computadores devem ter muitas vagas abertas na área.

9. Investidor Day Trader

O day trade é uma operação de curto prazo que consiste na compra e venda de ativos no mesmo pregão, objetificando lucrar na variação do preço de forma rápida. O investidor day trader é o cargo responsável por realizar essas negociações.

Entre os cinco conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com a Bolsa de valores, análise técnicainvestimentos, mercado de capitais e o investimento de curto prazo.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de serviços financeiros, mercado de capitais e gestoras de fundos de investimentos.

10. Motorista

O motorista é aquele profissional essencial para a logística de qualquer empresa ou companhia, ficando responsável por entregar produtos e trazer mais agilidade para a operação.

Os conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com prestação de serviços a clientes, Microsoft Word, liderança, Microsoft Excel e vendas.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores da internet, transportes terrestres e ferroviários e serviços de facilidades ao cliente.

11. Consultor de investimentos

O consultor de investimentos é aquele profissional que orienta o cliente em suas decisões de investimento, responsável por montar uma estratégia para que o dinheiro do contratante renda da maneira mais eficiente possível.

Além de precisar possuir um conhecimento sobre finanças em geral e saber avaliar os ativos financeiros, o profissional também é responsável por estudar as características do seu cliente para poder traçar seu perfil de investidor.

Os cinco conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão são a familiarização com investimentos, mercado de capitais, mercado financeiro, renda fixa e análise financeira.

Os setores de serviços financeiros, mercado de capitais e bancos são os que mais buscarão esse profissional.

12. Assistente de mídias sociais

O analista de mídias sociais é responsável por gerar conteúdo, criar anúncios e interagir com clientes e colaboradores através das redes sociais. Assim como o gestor de mídias sociais, o analista também precisa saber como avaliar os dados coletados na rede social.

Entre os cinco conhecimentos listados pelo LinkedIn para a profissão estão a familiarização com redes sociais, marketing digital, Adobe Photoshop, Instagram e publicidade.

Já os segmentos que mais devem buscar esse profissional em 2020 são os setores de publicidade e marketing, internet e tecnologia da informação.

13. Desenvolvedor de plataforma Salesforce

A Salesforce é uma companhia americana considerada como referencia no mercado de softwares de Customer Relationship Management (Gestão de Relacionamento com o Cliente, na tradução livre).

O desenvolvedor é responsável por programar, desenvolver e implementar produtos, serviços ou aplicativos com base na plataforma Salesforce.

Familiarização com desenvolvimento em Salesforce.com, linguagem de programação Apex, recursos do Salesforce.com, administração de Salesforce.com e Visualforce são alguns dos conhecimentos importantes.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet, desenvolvedores de software para computadores e consultoria em gestão.

14. Recrutador especialista em tecnologia da informação

Com a tecnologia em alta, um setor que pode ser interessante em 2020 é o de recrutamento especializado, principalmente na área de tecnologia da informação.

O recrutador especializado deve entender da área de tecnologia da informação assim como os candidatos à vaga, para conseguir realizar uma avaliação analítica mais precisa na hora de fazer contratações de desenvolvedores, por exemplo.

Os conhecimentos listados são a familiarização com recrutamento em TI, recrutamento, entrevista, pesquisa de executivos e técnicas de recrutamento.

Os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são tecnologia da informação e serviços correlatos ligados a internet, recrutamento e seleção e Recursos Humanos no geral.

15. Coach de metodologia agile

Os conceitos da metodologia agile foram criados principalmente para simplificar e agilizar processos de desenvolvimento de produtos, softwares ou serviços, mas podem ser empregados em muitos outros projetos em equipe.

O profissional é responsável por ajudar no treinamento de equipes usando essa metodologia, além de supervisionar o desenvolvimento das pessoas do time, visando garantir resultados eficazes para a organização.

O LinkedIn considera essenciais conhecimentos em familiarização com Kanban, metodologia Agile, Scrum, gestão de projetos em Agile e agilidade para os negócios.

Já os segmentos que mais devem buscar essa profissão em 2020 são os setores de tecnologia da informação, desenvolvedores de software para computadores e serviços correlatos ligados a internet.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.