Altos do Laranjal

A expressão “Altos do Laranjal” foi motivo de alguma polêmica nas redes sociais, na semana que passou.

Alguns moradores do balneário manifestaram contrariedade com a denominação, como se ela segregasse as demais áreas do lugar.

O Amigos procurou saber a origem do nome. Descobriu o óbvio: que não tem a ver com status, mas sim com a altitude do terreno.

A região do “Altos” fica num altiplano 16 metros acima do nível do mar. Era um vazio urbano sem nome. No Plano Diretor, dizia vazio urbano x. Como o condomínio Veredas (foto) iria se instalar ali, os empreendedores decidiram batizar o lugar.

O “Altos” veio por ser o local mais alto da praia, e o complemento, ‘do Laranjal’, para reafirmar o pertencimento ao bairro do Laranjal.

Os empreendedores consideraram melhor chamar de “Altos do Laranjal”, nome que faz referência à altitude e menção ao bairro, do que inventar, por exemplo, um nome pomposo americanizado, como New Orange, ou Hollywood, como fizeram em Buenos Aires com a “Palermo Hollywood”, região do Bairro de Palermo.

Ocorre que, coincidentemente, a região do “Altos” possui infraestrutura melhor do que o restante do balneário.

O “Altos do Laranjal” tem esgoto, asfalto, segurança, escola privada, iluminação, duplicação, condomínios de alto padrão e, segundo pesquisas, renda mais alta.

Já no Laranjal mais próximo da lagoa, apesar das maravilhas da natureza, calçadão de figueiras centenárias, além da lagoa, não se desfruta da mesma infraestrutura do Altos; faltam asfalto, esgoto, drenagem, segurança; grande parte do casario é antiga etc.

Se permanece a percepção de diferença de status, ela decorre de outras razões que não a mercadológica.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.