Viana presta contas de um ano de mandato

Da assessoria de Viana:

O deputado Luiz Henrique Viana (PSDB) apresentou nesta segunda-feira (17) a prestação de contas do primeiro ano de mandato na Assembleia Legislativa, em reunião realizada na sede Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), em Pelotas. Durante o evento, também foi lançado um informativo com o resumo das atividades do parlamentar no período.

Desde que assumiu, Viana destinou R$ 1 milhão em emendas para a Zona Sul do Estado, apresentou nove projetos e economizou mais de R$ 500 mil no gabinete, além de encaminhar demandas da região junto ao governo do Estado. “O primeiro ano de mandato foi de grandes desafios e, principalmente, de reafirmação de dois princípios que norteiam desde sempre o meu trabalho: o respeito ao dinheiro do contribuinte e a compreensão de que política é, antes de tudo, serviço”, declarou. 

Entre as mais de 200 emendas ao Orçamento 2020, sete são de sua autoria. Do R$ 1 milhão que tem à disposição em emendas, o deputado destinou 74% para Pelotas. Destes, R$ 340 mil para obras de alargamento da Rua João Jacob Bainy, R$ 340 mil para compra de ultrassom e respiradores para o Pronto Socorro Municipal e R$ 60 mil para a requalificação da área externa do Centro de Atendimento ao Autista Doutor Danilo Rolim de Moura, totalizando R$ 740 mil.

O parlamentar também destinou R$ 60 mil para a Secretaria de Saúde de Rio Grande (aquisição de 20 camas hospitalares), R$ 50 mil para a Unidade Básica de Saúde Dr. Paulo Cardoso Dora, de Camaquã, e R$ 50 mil para aquisição de tablets e computadores para a rede pública estadual de São José do Norte, além de R$ 100 mil para a preservação do acervo e implementação do Sistema de Segurança no Museu Histórico Farroupilha, de Piratini. 

Em um ano, Viana economizou mais de R$ 500 mil com cargos, cota parlamentar e diárias não utilizadas. Esta não é a primeira vez que ele faz cortes. Quando presidiu a Câmara de Vereadores de Pelotas, em 2017, economizou R$ 7,2 milhões, um terço do orçamento do Legislativo municipal daquele ano. 

Dos nove projetos protocolados por Viana na Assembleia, quatro foram aprovados em plenário, dois deles já sancionados pelo governador Eduardo Leite. O primeiro declara a Fenadoce patrimônio histórico e cultural do Rio Grande do Sul. O outro inclui o pêssego e seus derivados no cardápio da merenda escolar da rede pública estadual de ensino. Duas propostas estão à espera da sanção: no caso de óbito da mãe durante o período de licença-maternidade, o pai servidor público terá direito à licença de até 180 dias e a que inclui a Romaria Arquidiocesana de Nossa Senhora de Guadalupe no calendário oficial de eventos do Estado. Cinco iniciativas ainda seguem em tramitação na Casa.

Viana também é autor de duas frentes parlamentares: de Conscientização sobre o Autismo e Pelo Fortalecimento da Ovinocultura. Ao longo do ano, promoveu debates e incentivou a criação de políticas públicas para as duas áreas. “Trabalharei em dobro para poder me orgulhar ainda mais no final de 2020”, concluiu o deputado. 

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.