Prefeito de São Lourenço decreta calamidade pública

Em razão da emergência de saúde pública internacional, o prefeito Rudinei Härter assinou nesta sexta-feira (20), o decreto de calamidade pública em São Lourenço do Sul pelo período de 15 dias. Com isso, há várias determinações vigentes por este prazo, em combate a propagação do coronavírus.

Entre as medidas, está o fechamento de estabelecimentos comerciais, com exceção daqueles essenciais, como mercados e supermercados, padarias, restaurantes, lancherias, farmácias, clínicas de atendimento em saúde, postos de combustíveis, agropecuárias e estabelecimentos de venda de produtos animais, bancos e instituições financeiras.

Leia a matéria completa e entenda as medidas clicando AQUI.

Obrigado por participar. Comentários podem ter a redação moderada.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.