COVID: PELOTAS SEGUE COM RISCO MÉDIO, APESAR DO SALTO DE 21 PARA 90 CASOS EM 30 DIAS

Escute a notícia

Pelotas se mantém em risco epidemiológico médio para a Covid-19, sinalizado pela bandeira laranja, pela terceira semana consecutiva de distanciamento controlado no Rio Grande do Sul.

O levantamento, realizado pelo Governo do Estado, foi implementado no último dia 10 e é atualizado todos os sábados.

No dia 20 de abril, Pelotas tinha 21 contaminados. Hoje, 20 de maio, tem 90. Ainda assim, apenas quatro estão internados e a prefeitura diz ter 65 leitos só para atender covid, uma situação confortável.

O Rio Grande do Sul tem predominância de regiões em bandeira laranja, que apresenta dois cenários: capacidade média de atendimento do sistema de saúde, com baixa propagação da doença ou o alcance da rede de saúde é alto, mas tem média propagação do vírus.

Pelotas está localizada na região denominada de 21 e, até este sábado (30), registra 90 casos confirmados para o novo coronavírus, sendo 54 considerados recuperados, 33 em isolamento e três internados. Atualmente, a cidade conta com 58 leitos de enfermaria e 31 vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O modelo de Distanciamento Controlado se utiliza de análise de dados e evidências científicas, atualizados diariamente, para equilibrar a preservação da vida com a retomada econômica no Estado.

A partir de um cálculo com indicadores separados em dois grupos – propagação do vírus e capacidade de atendimento de saúde –, é determinado a aplicação de regras e protocolos, bem como a cor da bandeira de cada região.

Obrigado por participar. Comentários podem ter a redação moderada.