Bolsonaro revoga MP dos reitores

Após o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, devolver ao Planalto a MP que permitia ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, escolher reitores temporários para as universidades federais durante período de pandemia de coronavírus, Jair Bolsonaro decidiu revogar a MP.

A revogação foi comunicada por meio de Edição Extra do Diário Oficial na tarde desta sexta-feira (12).

“[O Poder Executivo] Revoga a Medida Provisória nº 979, de 9 de junho de 2020, que dispõe sobre a designação de dirigentes pro tempore para as instituições federais de ensino durante o período da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da pandemia da Covid-19 , de que trata a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020”.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.