Médico José Carlos de Morais morre no Rio

O médico pelotense José Carlos Oliveira de Morais morreu neste sábado, de infarto, aos 73 anos. Vivia em Niterói, no Rio de Janeiro.

O Comitê Paralímpico Brasileiro publicou nota de pesar:?

“É com extremo pesar que o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) comunica o falecimento do atleta José Carlos Morais, do tênis em cadeira de rodas, que morreu aos 73 anos, na última noite de sexta para sábado, 3, em Niterói, Rio de Janeiro, em decorrência de um infarto.

O tenista integrou a delegação brasileira nos Jogos Paralímpicos de Atlanta 1996, quando disputou na categoria simples e nas duplas ao lado de Francisco Reis Júnior. Ele também representou a Seleção em alguns campeonatos mundiais.

Natural de Pelotas, no Rio Grande do Sul, José Carlos foi atingido por um tiro durante um assalto um dia antes de sua formatura na faculdade. O gaúcho era médico e professor universitário no Rio de Janeiro. Escreveu o livro autobibliográfico “Roda vida: memórias de um cadeirante”.

O tenista deixou dois filhos adotados, Joana e Rafael, e a esposa Marta. O CPB envia seu mais profundo sentimento à família e amigos enlutados e compartilha da dor e da tristeza com os mesmos.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.