Prefeitura anuncia criação de conselho LGBT+

O Conselho Municipal dos Direitos da Cidadania LGBT+, órgão de caráter paritário e deliberativo, vinculado à Secretaria de Cultura (Secult), elegeu sua primeiro diretoria.

O processo foi realizado na última quinta-feira (2). Para a diretoria executiva, foram escolhidos Márcia Monks, Jô Ferreira Rocha e Brunn Ávila do Nascimento. Para a secretaria executiva, Renata Porcellis e Márcio Bernardino da Silva.

O Conselho LGBT+ formula e propõe diretrizes de políticas públicas voltadas para defesa dos direitos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transsexuais/transgêneros, e fiscaliza o cumprimento da legislação dos direitos da cidadania LGBT+ no Município.

O Conselho é composto por 20 conselheiros titulares e 20 suplentes, sendo dez representantes do poder público e dez da sociedade civil.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.