Operação no fim de semana vai fiscalizar infratores do decreto da covid

A prefeitura informa que, neste fim de semana, à noite, as Operações Integradas de segurança vão intensificar as ações de controle e repressão de eventos particulares ou públicos no Município, tanto na área urbana como rural.

As aglomerações não serão permitidas sob nenhuma hipótese.

Para dar oportunidade à população de levar às forças de segurança a informação do local onde há transgressões às regras de distanciamento social, perturbação do sossego ou outras, a Brigada Militar coloca o telefone “disk-denúncia” – 3227-7171 – à disposição 24 horas. A identidade será preservada.

As Operações Integradas contam com a Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e a Secretaria de Segurança Pública, com a Guarda Municipal (GM), além da de Transporte e Trânsito, com os agentes de Trânsito. As ações estão agendadas para os períodos da noite e das madrugadas.

‘Disk-denúncia’ 24 horas

O comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), tenente-coronel Facin, destaca que a decisão de intensificar as Operações partiu dos seguintes pontos.

“Primeiro, consideramos o grande número de denúncias de festas privadas e de aglomerações públicas que tem chegado às forças de segurança e, em segundo lugar, tomamos como base a previsão meteorológica da Universidade Federal de Pelotas, que indica temperatura elevada, motivando as pessoas a saírem às ruas ou realizar eventos”, observou.

“O momento é muito delicado. É preciso pensar no todo. Mesmo assim, há pessoas que insistem em transgredir regras de benefícios coletivos. A repressão, neste fim de semana, será maior”, frisa o comandante, destacando que o cidadão que denunciar as irregularidades à Agência de Inteligência da Brigada Militar, pelo telefone disk-denúncia, não precisará se identificar e, se assim o fizer, terá sua identidade preservada.

Saúde para todos

Já a Operação Saúde Para Todos terá, neste domingo (19), a sua 8ª edição. Trata-se de um projeto desenvolvido pelas forças de segurança, coordenado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), com os objetivos de prevenir a propagação do novo coronavírus e de promover e zelar pelo cumprimento das regras de distanciamento social e medidas.

Está prevista a reedição de blitz na avenida Adolfo Fetter, com abordagem de veículos para orientação aos condutores e passageiros sobre o uso obrigatório de máscara na rua ou em locais públicos, sob pena de multa, além do reforço na recomendação para que fiquem em casa.

A Operação Saúde Para Todos contará com a participação da SSP-Guarda Municipal, Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil local, Secretaria de Transporte e Trânsito, por meio dos Agentes, e Secretaria de Saúde (SMS).

Ação de voluntários

“Destacamos a importância da ação de voluntários. São pessoas da nossa sociedade, recrutadas pela Defesa Civil, que comparecem para auxiliar, doando o seu tempo em favor da vida do semelhante”, pontuou o comandante Facin.

A Operação Saúde Para Todos, além do local fixo da blitz, é articulada com equipes volantes da segurança, que atuam em diversos pontos, como avenidas, praias do Laranjal ou áreas públicas, onde haja aglomerações. Não observando o que está normatizado, em termos de enfrentamento à pandemia, as pessoas serão multadas.

Para o comandante Facin, a multa é mais uma ferramenta de repressão, que chega após grande trabalho educativo de conscientização.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.