AS 3 RAZÕES PARA PELOTAS TER VOLTADO À BANDEIRA VERMELHA

Pelo Plano de Distanciamento Controlado do Governo do Estado, divulgado nesta sexta-feira (24), Pelotas voltou à bandeira vermelha (para a semana de 28 de julho e 3 de agosto), risco alto de contágio, porque registrou piora em dois indicadores que abrangem dados específicos da região, totalizando três em avaliação de risco máximo (bandeira preta): o indicador de “variação semanal do número de novas hospitalizações Covid”, o indicador de “variação no número de confirmados em leitos clínicos” e o indicador de “novas hospitalizações Covid por população”.

Além disso, ainda segundo a prefeitura. na Macrorregião Sul, a situação agravou-se em dois indicadores: “Propagação da Covid-19” e “Capacidade de Atendimento”.

Análise de recurso

De acordo com a prefeita Paula Mascarenhas, existia a expectativa de manutenção da bandeira laranja para a próxima semana.

“Nossos números guardam ainda uma certa estabilidade, com menos de 50% dos leitos de UTI ocupados, e uma taxa percentual de óbitos, por 100 mil habitantes, que nos coloca na posição 189 entre todos os municípios do Estado, quando temos a quarta maior população”, disse, no início da noite desta sexta-feira.

Paula diz que planejava manter as restrições aplicadas desde a classificação para bandeira laranja, em vigência desde a terça-feira (21).

“As medidas ficavam a meio caminho, entre os protocolos de bandeira laranja e de bandeira vermelha”, disse, acrescentando: “Para esta manutenção, teremos de recorrer. Vou analisar, com os técnicos, até amanhã, se temos elementos suficientes, na macrorregião, para um recurso consistente”, analisa Paula.

14 das 20 regiões estão em bandeira vermelha

Das 20 regiões do Estado, o avanço para bandeira vermelha, nesta rodada, foi de oito para 14. Além de Pelotas, Caxias do Sul, Taquara, Canoas, Porto Alegre, Santa Rosa, Santa Cruz do Sul, Capão da Canoa, Novo Hamburgo, Cruz Alta, Bagé, Passo Fundo, Palmeira das Missões e Santo Ângelo tiveram piora nos indicadores. As regiões de Lajeado, Cachoeira do Sul, Erechim, Ijuí, Uruguaiana e Santa Maria foram enquadradas na bandeira amarela na divulgação preliminar.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.