Hercílio Calçados protesta: “Pelotas, a pandemia e o dinheiro que ninguém vê”

Avaliação: 5 de 5.

Lojas Hercílio divulga nota crítica sobre as políticas públicas para a pandemia. É a segunda loja de expressão a fazê-lo, depois das Lojas Krause.

“Há aproximadamente 6 meses Pelotas e região `Sul vivem uma das piores crises econômicas da sua história, causadas por uma pandemia mundial a qual é ainda mais agravada pela falta de planejamento e má gestão do dinheiro público, que resulta na perda de vidas não só para o vírus, mas pelas consequências geradas pelo fechamento de centenas de empresas, demissões em massa e milhares de famílias sem renda que nunca são contabilizadas.

Respeitamos regras, nos reinventamos e criamos alternativas de vendas para evitar as demissões e o fechamento de nossas lojas; porém, estas ações não são suficientes para manter nossos negócios e seus altos custos!

Sejamos coerentes, sabemos que bandeiras, suas cores e o consequente abre e fecha não estão diminuindo os casos do COVID-19 e poupando vidas, mas sim prejudicando o segmento que mais gera emprego e renda em nossa região.

Regras devem ser pra todos!

De que adianta prejudicar as lojas, os pequenos comerciantes e todos os que sobrevivem de alguma forma desse ciclo comercial, beneficiando outros segmentos?

A saída é o lockdown??? Exemplos­­ não faltam de cidades como a nossa vizinha Rio Grande/RS, que decretaram o fechamento completo do seu comércio por meses sem nenhuma eficiência; muito pelo contrário, aumentaram as mortes!

E agora, como se não bastasse, o jogo político novamente nos priva da capacidade de nos reerguer, processo esse que requer apoio não só do consumidor, mas principalmente da mídia e dos governos que hoje usam nossa categoria como bode expiatório para mascarar seu despreparo.

Nós e a população de Pelotas estamos fazendo a nossa parte, e o outro lado o que fez???”

Lojas Krause: “Para onde fomos nesses 5 meses?”

1 thought on “Hercílio Calçados protesta: “Pelotas, a pandemia e o dinheiro que ninguém vê”

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.