Rio Grande amplia testagem para covid

A Prefeitura do Rio Grande, por meio de uma parceria com a Furg, tem ampliado a testagem para Covid-19 no município. 

Conforme o secretário da Saúde, Maicon Lemos, cerca de 100 testes PCR estão sendo feitos diariamente. 

Os dados da Secretaria da Saúde apontam que mais de 5500 testes já foram realizados em Rio Grande, considerando tanto o exame rápido quanto o PCR.  

Lemos destaca que, com a disponibilização do laboratório da Furg para análise do material coletado, os resultados ficam prontos no mesmo dia ou em no máximo 24h.

“Hoje o Lacen demora, em média, de 4 a 5 dias para a entrega dos resultados. E aqui estamos tendo os resultados de forma praticamente instantânea. Os exames coletados e entregues para o HU da Furg até o meio-dia têm resultado disponível já no final da tarde. É algo muito importante para que possamos estabelecer o diagnóstico, o isolamento social e a questão do tratamento existente”, declarou.  

Além disso, Lemos ressaltou que a Universidade disponibilizou 5 mil testes PCR para aplicação em Rio Grande, que já estão sendo utilizados, seguindo as orientações do protocolo do Ministério da Saúde (MS).

“A ampliação da testagem PCR da Furg coloca Rio Grande em uma situação diferenciada a nível de região. Não pelo quantitativo, mas pelo qualitativo dos testes”, afirmou. Ele salienta que o aumento no número de casos confirmados da doença em Rio Grande se dá justamente pela ampliação e qualificação da testagem no município, onde existe transmissão comunitária do vírus.  

Ainda Conforme o secretário, o exame PCR (considerado como padrão ouro e recomendado pela OMS) é realizado entre o 2º e o 8º dia de sintomas. O protocolo do MS determina a testagem em casos com presença de sintomas de síndrome respiratória, febre, tosse seca, considerados principais sintomas da doença.  A coleta é feita nos domicílios, mediante notificação médica, e após agendamento. O teste também está disponível na UPA Junção, onde existe o Centro de Triagem e Testagem para Covid-19.  

Testes rápidos também nas unidades de saúde  

O município também está ampliando a distribuição dos testes rápidos nas unidades de saúde. Postos do interior já contavam com os exames e, nas últimas semanas, foi iniciada a disponibilização dos testes rápidos nas demais unidades.  

Os exames são realizados após avaliação médicas e seguindo protocolo internacional, que recomenda a testagem entre o 10º e o 14º dias de sintomas. Assim, tem como finalidade o controle epidemiológico.“O teste rápido não tem objetivo de diagnóstico, mas sim permitir o monitoramento de possíveis contatos com pacientes positivos e também identificar transmissão comunitária”, explicou Maicon. 

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.