HU-Furg vai processar testes de covid-19 para 21 municípios

Ebserh/Furg: O Laboratório de Apoio Diagnóstico em Infectologia (Ladi) do Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr., da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), agora é referência para o processamento de amostras de casos suspeitos de Síndrome Gripal, Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e de óbitos SRAG de 21 municípios da 3ª Coordenadoria Regional de Saúde do estado do Rio Grande do Sul (3ª CRS/SES/RS).

A decisão foi divulgada pelo Centro de Operações de Emergências da Saúde Regional (COE) da 3ª CRS, por meio de uma Nota Orientativa, publicada em 13 de agosto de 2020, que apresentou a reorganização da Rede Laboratorial para Ampliação do Diagnóstico para Vírus Respiratório SARS-CoV-2.

Desde sua inauguração, em 09 de junho de 2020, o Ladi processa os testes para identificação do novo coronavírus (tipo RT-PCR) para o município de Rio Grande e ampliou, em 17 de julho, para as outras cidades da Microrregião Litoral Lagunar do Rio Grande do Sul: São José do Norte, Santa Vitória do Palmar e Chuí.

Com a atual expansão, o atendimento chega a 21 municípios, incluindo também: Amaral Ferrador, Arroio do Padre, Arroio Grande, Canguçu, Capão do Leão, Cerrito, Cristal, Herval, Jaguarão, Morro Redondo, Pedras Altas, Pedro Osório, Pinheiro Machado, Piratini, Santana da Boa Vista, São Lourenço do Sul e Turuçu.

Pelotas

O município de Pelotas, embora faça parte da 3ª CRS, não terá seus testes processados no Ladi. O fluxo do funcionamento completo, contendo o descritivo de como fazer o registro no sistema específico, acondicionamento, transporte e envio de amostra para diagnóstico, está estabelecido na Nota Informativa –  leia a íntegra em https://bit.ly/316bLvL.  

O Laboratório, implementado pelo HU-Furg, contribui para o enfrentamento à pandemia de covid-19, processando os testes RT-PCR (biologia molecular), que analisam as secreções respiratórias dos pacientes com suspeita da doença, com resultados entre 24 e 72 horas.

Desde sua inauguração, o Ladi processou mais de 2 mil testes, já tendo recebido amostras de Rio Grande, São José do Norte, Santa Vitória do Palmar, Chuí, São Lourenço do Sul, Pinheiro Machado e Herval.

Cabe ressaltar que o RT-PCR permite identificar a presença do vírus no período de maior carga viral no organismo, entre coletadas do 3º ao 5º dia do início dos sintomas. O Laboratório também é referência regional para realizar exames de biologia molecular para diagnóstico de HIV e hepatites.  

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh  

O Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr. da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg) faz parte da Rede Hospitalar Ebserh desde julho de 2015. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.  

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde.

Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.  

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.