“CARTA ABERTA AOS PROGRESSISTAS”. Por Paulo Grigoletti Gastal

Paulo Francisco Grigoletti Gastal, Advogado – Secretário Geral e integrante do Diretório Municipal do Progressistas

A tarefa de conduzir um partido político a uma eleição é ato propositivo. A construção do processo e do trâmite interno requer disciplina, método, capacidade interminável para dialogar, rever posições e avançar quando necessário. Quem estuda e vive a política, percebe logo essas nuances.

O Partido Progressista, hoje Progressistas, sempre manteve uma base sólida na nossa cidade, obviamente fruto de seu tamanho e participação na vida política do Rio Grande do Sul. Porém vivíamos uma situação contraditória, pois, mesmo sendo “grande”, “jogávamos como time pequeno”.

Com a ajuda e participação ativa da maioria dos integrantes dos filiados, do diretório, dos pré-candidatos a vereador e da base partidária – juntos começamos a reconstrução de um ideário que sempre existiu, mas estava adormecido: o de ser protagonista.

Pois bem: chegamos à ante-véspera da eleição municipal com um debate interno, depois externo e por fim ganhando o interesse da mídia, e ocupamos espaços de maneira mais ampla do que qualquer outra agremiação partidária até o momento. Para uns bom, para outros ruim.

Nota-se nitidamente que esse elemento é fruto de uma construção de todos nós e essa deve ser a missão de cada um dos integrantes do Progressistas: elevar a sua sigla para que a negociação política, fruto do processo democrático, se dê em igualdade de condições com qualquer que seja o interlocutor.

E mais: percebe-se neste momento que o partido não se apequenou, não fugiu dos seus propósitos e orgulha-se de uma nominata sem igual para concorrer ao legislativo municipal e também buscando o seu espaço de direito na tentativa de indicar seu candidato à majoritária e oferecer à cidade de Pelotas um debate que possa fazer com que a população escolha a melhor opção.

O Progressistas forte de novo é fruto dessa construção! Me orgulho de participar dessa construção, sendo ela realizada com a participação de todos, independente de posições e lados. De qualquer maneira, crescemos e voltamos ao patamar de direito.

Ao fim da jornada – que é o processo eleitoral – sairemos vitoriosos independente do resultado do pleito, pois os objetivos (fruto de nosso trabalho conjunto) serão alcançados.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.