Segunda onda da Covid na Europa pode ser de nova variante do vírus

Uma mutação na cepa do Sars-Cov-2, que causa a Covid-19, pode estar por trás da segunda onda de contaminações na Europa, diz reportagem do Financial Times, desta quinta-feira (29).

FRANCESES USANDO MÁSCARA NA RUA (FOTO: PHILIPPE LOPEZ / AFP)

O jornal diz que a variante teria aparecido na Espanha e, de lá, se propagado a outros países durante a temporada de verão no continente.

A hipótese será publicada em artigo científico e foi adiantada pelo jornal. Segundo o estudo, que ainda será revisado por pares – prática científica -, uma equipe internacional de cientistas teria descoberto que mais de 80% dos novos casos registrados no Reino Unido teriam a variação genética identificada como 20A.EU1. 

Uma outra variação do coronavírus, nomeada como D614G, já foi apontada como detentor de maior potencial infeccioso. Ainda não é possível identificar, pela falta de estudos, se também é o caso do 20A.EU1. 

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.