Bolsonaro inaugura nova ponte do Guaíba e 27 quilômetros de BR-116

A nova ponte sobre o Guaíba, ligando a Região Metropolitana ao Sul do Estado, foi oficialmente inaugurada nesta quinta-feira (10/12). Foram inaugurados ainda 27 quilômetros duplicados da BR-116.

O governador Eduardo Leite discursou:

“Essa é uma das obras mais importantes do RS não apenas pela ligação da Região Metropolitana com o Sul do Estado, que economicamente precisa desta obra associada à duplicação da BR-116, mas que também melhorará, do ponto de vista logístico, a competitividade de tudo aquilo que se produz no norte em direção ao porto do Rio Grande. Com a redução do tempo de viagem e a segurança deste novo sistema viário, teremos, sem dúvida nenhuma, a redução de custos logísticos para colocar o RS em condições de competir”.

Com 13,6 quilômetros de extensão, sendo 2,9 quilômetros só da ponte, a estrutura foi liberada para tráfego no vão principal e em três das alças de acesso: uma no sentido Porto Alegre-Litoral Norte, outra no sentido Porto Alegre-Região Sul e outra da Região Sul ao centro da capital. Para seguir em outras rotas, será preciso usar a ponte antiga.

A construção de uma nova ponte já teve aporte do governo federal de mais de R$ 760 milhões. A estimativa é que 50 mil veículos utilizem a travessia diariamente. Com isso, deverão ser reduzidos os congestionamentos na entrada da Capital, agravados pela necessidade de içamento ou falhas mecânicas do vão móvel da antiga ponte, construída na década de 1950.

Com uma estrutura em elevada, a estrutura tem vão principal com 28 metros de largura e 40 metros de altura em relação ao nível da água, o que permitirá a travessia do Delta do Jacuí sem interrupções do tráfego de veículos sobre a ponte para a passagem de navios.

50702720936 6a37473564 k
Vão principal tem 28 metros de largura e 40 metros de altura em relação ao nível da água do Delta do Jacuí – Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

BR-116

Além da nova ponte, o presidente inaugura, nesta quinta (10), mais 27 quilômetros de duplicação da BR-116, em Barra do Ribeiro, chegando a quase 60% de conclusão da obra entre Porto Alegre e Pelotas. Em seu discurso, Bolsonaro destacou que a prioridade da sua gestão é finalizar obras já iniciadas.

“Esta obra (a nova ponte do Guaíba) não começou conosco, como a grande maioria das obras, mas nós vamos terminar todas aquelas que forem possíveis de ser terminadas”, afirmou o presidente.

50702804847 86656bb9cb k
Nova estrutura será opção à ponte elevadiça construída na década de 1950 – Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, destacou algumas entregas que serão feitas no ano que vem pela União, como o restante da duplicação da BR-116, o contorno de Pelotas e a travessia urbana de Santa Maria, além de outras que serão iniciadas em breve e licitações e concessões que serão lançadas no Rio Grande do Sul, incluindo hidrovias, aeroportos regionais e rodovias.

Do governo do Estado, também estiveram presentes o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, e o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rodrigo Lorenzoni.

Encontro reservado

No início da manhã, o governador Eduardo Leite foi até o aeroporto de Porto Alegre receber o presidente Jair Bolsonaro. Em uma conversa reservada, ambos falaram sobre o enfrentamento à pandemia e a vacinação contra o coronavírus.

WhatsApp Image 2020 12 10 at 09 45 14
Governador Leite recebeu presidente Bolsonaro no aeroporto, onde se reuniram para tratar sobre o enfrentamento à pandemia – Foto: Secom

“A partir da conversa que tivemos, renovo a minha confiança na liderança do governo federal, a partir do Ministério da Saúde, para coordenar através do Programa Nacional de Imunizações, a vacinação de todos os brasileiros em todos os Estados, com a responsabilidade da certificação da Anvisa, com análise criteriosa para registro das vacinas, a disponibilização de vacinas para todos os brasileiros, o que será fundamental também para que retomemos a nossa economia”, afirmou Leite.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.