Connect with us

Brasil e mundo

Excessos durante o verão podem causar problemas circulatórios

Publicado

on

Vem chegando o verão e com ele um calor no coração, mas também nas pernas, nos braços e em todo o sistema circulatório.

Mãos e pés inchados, pernas cansadas e pesadas, piora de varizes e o surgimento de problemas linfáticos são alguns sintomas físicos que merecem mais atenção no clima quente que terá início no dia 21 de dezembro, e se extende até 20 de março de 2021. De acordo com a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), durante o verão, existe um aumento de 30% das doenças vasculares. 

O corpo humano trabalha intensamente para combater as altas temperaturas. A circulação cutânea (na pele) é uma das principais responsáveis pela regulação da temperatura do organismo. Durante esse processo, ocorre a dilatação dos vasos sanguíneos da pele e, consequentemente, acarreta a piora de sintomas em pessoas com varizes e doenças linfáticas.

As mulheres são as que mais sofrem com problemas vasculares no verão, explica o cirurgião vascular e presidente da SBACV- Regional Rio Grande do Norte, Gutenberg do Amaral Gurgel. “Nas mulheres, os hormônios femininos podem acarretar maior exacerbação dos sintomas das doenças vasculares. Uma das maiores queixas nessa estação é o inchaço nas pernas. O calor causa a dilatação dos vasos sanguíneos, e faz com que o fluído escape e se acumule no tecido extravascular, isso é chamado de edema. Edema é apenas outra palavra para inchaço”, explica. 

Dentre os fatores que mais causam complicações vasculares no verão estão a desidratação e a preexistência de doenças associadas à obesidade e ao sobrepeso, como o diabetes e a hipertensão. O especialista orienta que, sempre que possível, seja feito o autoexame para identificar possíveis problemas:

Infográfico mostra cuidados com a circulação durante o verão.

A  SBACV alerta para que, ao identificar qualquer sinal de má circulação, é muito importante a busca por um angiologista ou cirurgião vascular. 

Prevenção 

Alguns hábitos do verão podem ser perigosos para o sistema circulatório, destaca o médico e presidente da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, Bruno Naves. “Viagem, sol, cerveja, aperitivos gordurosos e salgados, além de calor e imobilização prolongada na mesa de um bar, ou na praia. A receita certa para o inchaço”, enfatiza o especialista. 

Mas, para evitar o edema, o médico dá algumas dicas eficientes:

» Elevar as pernas acima do coração, por pelo menos 15 a 20 minutos, três vezes ao dia. É usar a lei da gravidade a favor do retorno venoso e linfático. O líquido vai naturalmente da posição mais alta para mais baixa, então quando eleva-se os pés e pernas acima do coração, promove-se uma drenagem eficiente e uma renovação da circulação com chegada de nutrientes e oxigênio.
» Evite no verão comidas muito gordurosas ou salgadas em excesso.
» Se o calor dilata as veias, o frio contrai. O medico aconselha a colocar uma compressa de água fria para um resultado ainda melhor. “Em viagens ficarmos longos períodos sentados na mesma posição. É uma boa prática ao chegar no destino, colocar as pernas elevadas e uma compressa fria ou mesmo uma toalha molhada com água fria por cerca de 30 minutos. O alívio é imediato.”
» Evite longos períodos parado na mesma posição. “Exercite seu coração venoso periférico, sua musculatura da panturrilha ou a conhecida “batata da perna”. A cada 50 minutos parado, levante e movimente 10 (50 x 10).”
» Aproveite o verão para colocar o seu corpo em dia. Faça pelos menos 30 minutos de atividade física diariamente. Procure intercalar atividade aeróbica com exercícios resistidos, como musculação ou pilates. Trinta minutos, trinta dias por mês (30 x 30).

“Esse cuidado especial, quando eu falo desse edema funcional, ou seja, decorrente de viagens longas, longos períodos parado na mesma posição ou calor intenso, não está relacionado com doenças. Existem doenças que também causam edema dos membros inferiores, como hipertensão arterial mal controlada, problemas renais, do fígado, do coração, da tireoide e varizes”, esclarece Naves.

O médico ainda explica que sempre que se fica muito tempo parado, na mesma posição, pode-se ter trombose venosa profunda, que é um problema sério e que precisa ter tratamento diferenciado. “Normalmente, o edema da trombose é um empastamento, endurecimento da musculatura da panturrilha que geralmente acontece de um lado só. E nestes casos não costuma regredir com a elevação dos membros”, finaliza.

Publicidade

Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor.

Brasil e mundo

Campanha eleitoral começa hoje nas ruas do país

Publicado

on

Candidatos à Presidência da República, aos governos dos estados e aos cargos de senador, deputado federal, estadual e distrital saem, a partir de hoje (16), em busca dos votos de 156,4 milhões de eleitores aptos a exercer o direito ao voto nas eleições de outubro. 

Pela legislação eleitoral, os candidatos estão autorizados a fazer caminhadas, carreatas com carro de som e a distribuir material de campanha até as 22h. A campanha vai até 1º de outubro, um dia antes do primeiro turno.

Os comícios poderão ser realizados entre as 8h e a meia-noite, horário que poderá ser prorrogado por mais duas horas no caso de encerramento de campanha. Showmícios gratuitos são proibidos por lei. 

Na internet, a propaganda eleitoral pode ser feita em sites e redes sociais, mas deve ser identificada como publicidade e exibir o nome do candidato, partido, coligação ou federação. A propaganda por meio de telemarketing também é proibida. 

O impulsionamento de conteúdo por apoiadores é proibido. O disparo de mensagens só pode ser feito aos eleitores que se cadastrarem voluntariamente para recebê-las. 

O primeiro turno será realizado no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Eventual segundo turno  para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro. 

Publicidade
Continue Reading

Brasil e mundo

Petrobras anuncia redução de R$ 0,18 na gasolina para distribuidoras

Publicado

on

 Petrobras vai reduzir amanhã (16) o preço de venda da gasolina A para as distribuidoras de combustível em R$ 0,18. O reajuste foi informado no início da tarde de hoje (15) pela estatal.

Com a redução, o litro da gasolina vendido pela Petrobras deixará de custar R$ 3,71 e passará a custar R$ 3,53, em uma queda de cerca de 4,8%. 

A empresa afirma que “a redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado global, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações internacionais e da taxa de câmbio”.

Como a gasolina vendida nos postos de combustível recebe mistura obrigatória de 27% de etanol anidro, a Petrobras calcula que a sua parcela no custo final da gasolina paga pelos motoristas passará a ser de R$ 2,57 para cada litro.

Continue Reading

Brasil e mundo

Prazo para pedir voto em trânsito termina na próxima quinta-feira

Publicado

on

Termina na próxima quinta-feira (18), o prazo para os eleitores que não estiverem no seu domicílio eleitoral no dia da votação, no primeiro turno, em 2 de outubro; e, em caso de segundo turno, no dia 30 de outubro, solicitarem o voto em trânsito.

O requerimento para votar em trânsito precisa ser feito presencialmente, em qualquer cartório eleitoral, sem necessidade de agendamento. É possível solicitar o voto em trânsito para o primeiro, o segundo ou ambos os turnos.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o voto em trânsito vale apenas para o cargo de presidente da República, quando a eleitora ou eleitor indicar uma cidade localizada em outra unidade da Federação diferente da do município do seu domicílio eleitoral.

“Podem votar nos cargos de deputado federal, deputado estadual, senador, governador e presidente da República apenas eleitoras e eleitores que indicarem para o voto em trânsito um município que esteja localizado na mesma unidade da Federação do seu domicílio eleitoral”, diz ainda o TSE.

O pedido para votar em trânsito só pode ser feito para as capitais e cidades com eleitorado igual ou superior a 100 mil pessoas. É possível consultar os locais habilitados a receber o voto em trânsito no site do TSE. Não é possível indicar municípios em outros países para o voto em trânsito.

Eleitores, com o título de eleitor cadastrado no exterior, poderão votar em trânsito se estiverem em viagem ao Brasil. Para isso, devem indicar o município onde estarão no dia da votação. Nesses casos, só poderão votar exclusivamente em candidatas e candidatos a presidente da República.

“O voto em trânsito funciona como uma transferência temporária de domicílio eleitoral. A habilitação para votar em trânsito não transfere ou altera quaisquer dados da inscrição eleitoral. Após as eleições, a vinculação do eleitor com a seção de origem é restabelecida automaticamente”, informa o TSE.

Publicidade
Continue Reading
Brasil e mundo4 dias atrás

Prazo para pedir voto em trânsito termina na próxima quinta-feira

Eleições 20227 dias atrás

A carta de filiação que leu Pedro Hallal em sua filiação ao PT

Cultura e diversão5 dias atrás

Em livro, Mateus Bandeira conta sua ‘aventura’ como candidato a governador do RS, em 2018

Pelotas e RS1 semana atrás

Hallal se filia ao PT nesta quarta

Pelotas e RS6 dias atrás

Projeto de extensão do IFSul promove aulas preparatórias para o Enem

Brasil e mundo6 dias atrás

Petrobras reduz preços de venda de diesel para as distribuidoras

Especial7 dias atrás

Pais necessários

Brasil e mundo6 dias atrás

Conab estima safra de grãos em 271,4 milhões de toneladas em 2021/22

Brasil e mundo1 semana atrás

O tempo de tevê dos presidenciáveis

Brasil e mundo7 dias atrás

Revogado decreto que regulamenta profissão de corretor de imóveis

Especial2 dias atrás

A câmera escondida na Secretaria de Trânsito

Brasil e mundo22 horas atrás

Campanha eleitoral começa hoje nas ruas do país

Cultura e diversão4 dias atrás

Um dia engraçado

Brasil e mundo1 semana atrás

Dólar cai para R$ 5,11 e fecha no menor nível em sete semanas

Pandemia1 semana atrás

Mutirão de vacinação nas escolas será a partir de quarta-feira

Brasil e mundo1 dia atrás

Petrobras anuncia redução de R$ 0,18 na gasolina para distribuidoras

Brasil e mundo1 semana atrás

MEC divulga hoje resultado da 1ª chamada do ProUni 2022/2

Brasil e mundo1 semana atrás

Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago nesta terça-feira

Brasil e mundo22 horas atrás

Campanha eleitoral começa hoje nas ruas do país

Brasil e mundo1 dia atrás

Petrobras anuncia redução de R$ 0,18 na gasolina para distribuidoras

Especial2 dias atrás

A câmera escondida na Secretaria de Trânsito

Brasil e mundo4 dias atrás

Prazo para pedir voto em trânsito termina na próxima quinta-feira

Cultura e diversão4 dias atrás

Um dia engraçado

Cultura e diversão5 dias atrás

Em livro, Mateus Bandeira conta sua ‘aventura’ como candidato a governador do RS, em 2018

Pelotas e RS6 dias atrás

Projeto de extensão do IFSul promove aulas preparatórias para o Enem

Brasil e mundo6 dias atrás

Petrobras reduz preços de venda de diesel para as distribuidoras

Brasil e mundo6 dias atrás

Conab estima safra de grãos em 271,4 milhões de toneladas em 2021/22

Especial7 dias atrás

Pais necessários

Eleições 20227 dias atrás

A carta de filiação que leu Pedro Hallal em sua filiação ao PT

Brasil e mundo7 dias atrás

Revogado decreto que regulamenta profissão de corretor de imóveis

Pelotas e RS1 semana atrás

Hallal se filia ao PT nesta quarta

Brasil e mundo1 semana atrás

MEC divulga hoje resultado da 1ª chamada do ProUni 2022/2

Pandemia1 semana atrás

Mutirão de vacinação nas escolas será a partir de quarta-feira

Brasil e mundo1 semana atrás

O tempo de tevê dos presidenciáveis

Brasil e mundo1 semana atrás

Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago nesta terça-feira

Brasil e mundo1 semana atrás

Dólar cai para R$ 5,11 e fecha no menor nível em sete semanas

Cultura e diversão2 semanas atrás

O TELEFONE PRETO. (Por Déborah Schmidt)

Brasil e mundo2 semanas atrás

Câmara aprova projeto que cria norma geral para concursos públicos

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em alta