DESCER PARA BANDEIRA VERMELHA QUANDO ESTAMOS EM PRETA NÃO FAZ SENTIDO

Uma leitora do Amigos pergunta: Pra que classificação de bandeira se cada um faz o que quer?

Ela se refere à contradição entre a classificação da região de Pelotas em bandeira preta, risco altíssimo para covid, e que exige protocolos mais rígidos no Plano do governo do estado, e a informação da Associação dos Municípios Azonasul, de que os 22 prefeitos aprovaram a adoção de medidas de bandeira vermelha a partir de amanhã, terça-feira 15.

Pelo regime de cogestão regional da pandemia, reabilitado pelo governo do estado nesta segunda-feira, 14, para começar a valer amanhã (coincidentemente com o ineditismo da bandeira preta), os prefeitos podem divergir da classificação do estado, adotando protocolos da bandeira imediatamente inferior, no caso vermelha em relação à preta.

O racional, porém, nos diz que, se o governo do estado decreta bandeira preta, a região poderia no máximo relaxar um pouco as medidas restritivas desta bandeira, conforme a realidade de cada município, MAS NUNCA adotar medidas exclusivas de bandeira vermelha para todos como ponto de partida para definir os novos protocolos que vão vigorar.

Realmente, não faz sentido.

Além disso, vale outra pergunta:

Como os prefeitos podem por conta própria adotar protocolos de bandeira anterior, que serventia tem o direito dado aos prefeitos para que apresentem recursos contrários às classificações do estado?

2 thoughts on “DESCER PARA BANDEIRA VERMELHA QUANDO ESTAMOS EM PRETA NÃO FAZ SENTIDO

  1. penso que do mesmo jeito que o estado se opõe ao governo federal, os prefeitos pode se opor ao estado, simples assim!!!

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.