“O que menos importa é a cor da bandeira”

Atualizado às 22h15 de 25/12 |

Na mensagem que circulou num grupo de empresários no whatsapp, há cerca de 10 dias, sobre uma negociação com a prefeita Paula, para que ela liberasse o comércio no domingo e a na segunda-feira passados (Paula havia decidido mantê-lo fechado naqueles dias, com o objetivo de frear o contágio pelo novo coronavírus, mas mudou de ideia), para que as pessoas pudessem fazer compras de Natal, a última frase do texto comemorativo foi:

“O que menos importa é a cor da bandeira”.

Foi a primeira vez em que empresários e academia concordaram.

Uns dias antes, o reitor da UFPel, Pedro Hallal, disse que o Plano das Bandeiras estava desmoralizado.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.