A isca Hallal

O deputado Bibo Nunes, do PSL, ameaçou hoje o ex-reitor Pedro Hallal com retaliações federais, por conta de declarações de Hallal dirigidas ao presidente Bolsonaro, numa live na quinta passada, e do anúncio de que a UFPel terá uma gestão compartilhada entre a reitora nomeada, Isabela Andrade, e o reitor eleito na comunidade acadêmica, Paulo Ferreira.

Bibo pode ter mordido uma isca.

Se mexer com Hallal, que é uma autoridade nacional em covid-19 (com presença frequente na tevê), vai atrair contra si e o governo um volume de críticas proporcional, e numa hora difícil, de pandemia em escalada.

Se for inteligente, Bolsonaro deixa o assunto quieto.

Afinal, Isabela, nomeada pelo PR, é a reitora. O fato de ela dizer que vai gerir a UFPel lado a lado com Paulo não é ilegal.

A principal assinatura nos papéis de gestão será dela, assim como a responsabilidade decorrente.

1 thought on “A isca Hallal

  1. Lamentável toda essa polêmica e troca de ofensas entre o ex reitor e o deputado, afinal Isabela é do grupo de gestão da ufpel, foi nomeada pelo presidente e aceitou inclusive partilhar a administração da universidade, logo toda essa gritaria por parte de Halal me parece um tanto precipitada, imatura e totalmente desnecessária, as pessoas que ocupam cargos públicos de reconhecida relevância ( quando o ex reitor fez as duras criticas e ofensas ao Presidente ainda estava no cargo) devem ter a exata noção das consequências das palavras lançadas, não acredito em intervenção, entendo que não seria o caso, mas tal episódio pode sim trazer prejuízos à Ufpel e por consequência a toda comunidade academica.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.