Pessoas com 66 anos começam a ser imunizadas contra a Covid-19

Grande movimento foi registrado, já nas primeiras horas da manhã, no Centro de Eventos da Fenadoce, nesta segunda-feira (5), dia que teve início a vacinação de idosos com 66 anos ou mais contra o coronavírus. No total, 1.978 pessoas desse grupo garantiram sua proteção no drive-thru.

Após receberem a 1ª dose nesta segunda-feira, as irmãs Silvia Moreira e Maria da Graça contaram que outros três irmãos também já estão imunizados. “A gente estava na expectativa. A organização aqui está fora de série”, frisou Silvia. O marido Rosalino, responsável por conduzir as duas até o local, assistiu à vacinação delas, ansioso pela sua vez, que será na sexta-feira (9).

Sozinho em seu carro, Renato Pacheco não escondia a felicidade em estar sendo imunizado, enquanto tirava fotos da aplicação. “Estou me sentindo muito bem e satisfeito. Agora estou esperando a 2ª dose”, destacou. Ele citou a agilidade do atendimento como uma das principais características do drive-thru organizado pela Prefeitura.

O processo segue nesta terça-feira (6), nos pavilhões do Centro de Eventos, para os idosos com 65 anos ou mais. Na quarta-feira (7), a idade do grupo prioritário é ampliada para os 64 anos. O atendimento pelo sistema drive-thru é sempre das 9 às 17h, com acesso pela avenida Pinheiro Machado. Aqueles que comparecerem para a vacinação precisam apresentar documento de identidade, cartão SUS ou CPF e comprovante de residência.

Confira a programação

– Terça-feira (6) – idosos a partir dos 65 anos, com 2.400 doses disponíveis.

– Quarta-feira (7) – idosos a partir dos 64 anos, com 2.600 doses disponíveis.

Vale ressaltar que segue a arrecadação de alimentos não-perecíveis (como arroz, feijão, massa e outros), além de leite e produtos de higiene e limpeza. As doações serão entregues à Secretaria de Assistência Social (SAS) e destinadas a famílias em vulnerabilidade social ou que estejam enfrentando dificuldades financeiras. A ação também acontece nas escolas municipais, nos bairros.

Mais de 500 vacinados nas escolas

Também nesta segunda-feira, idosos com 69 anos ou mais, que não puderem comparecer no drive-thru da última semana, tiveram a chance de receber a 1ª dose da vacina nas sete escolas municipais selecionadas pela Prefeitura. Foram 503 beneficiados.

A aplicação nos bairros, para as idades entre 69 a 67 anos, continua até quarta-feira (7). Na quinta-feira (8), a vacinação será ampliada para o grupo de 66 anos e, na sexta-feira, serão imunizados aqueles a partir dos 65 anos. A Secretaria Municipal de Saúde disponibilizará mil doses, em cada dia, distribuídas nos sete pontos. A ação continuará das 10 às 15h, cumprindo o seguinte cronograma:

– terça-feira (6) – idosos a partir dos 68 anos;

– quarta-feira (7) – idosos a partir dos 67 anos;

– quinta-feira (8) – idosos a partir dos 66 anos;

– sexta-feira (9) – idosos a partir dos 65 anos; e,

– segunda-feira (12) – idosos a partir dos 64 anos.

Não esqueça os endereços das escolas

* EMEF Balbino Mascarenhas – rua Cândido Augusto de Mello, 415 (Simões Lopes) – 100 doses por dia

* Colégio Pelotense – rua Marcílio Dias, 1.597 (Centro) – 200 doses por dia

* EMEF Ministro Fernando Osório – avenida Fernando Osório, 1.522 (Três Vendas) – 200 doses por dia

* EMEF Ferreira Viana – rua João Tomaz Munhoz, s/n° (São Gonçalo) – 100 doses por dia

* EMEF Afonso Vizeu – rua Francisco Moreira, 285 (Areal) – 200 doses por dia

* EMEF Francisco Caruccio – rua Leopoldo Brod, 3.220 (Três Vendas) – 100 doses por dia

* EMEF Francisco Barreto – rua Triunfo, 2.257 (Laranjal) – 100 doses por dia

Forças de segurança imunizadas

Seguindo o cronograma do Plano Nacional de Imunização, os guardas municipais e policiais rodoviários são os primeiros profissionais da segurança a ser imunizados contra o coronavírus em Pelotas. Enquanto a vacinação dos 180 integrantes da Guarda Municipal se deu às 14h, a dos 41 membros da PRF estava marcada para as 19h.

Para receber a 1ª dose, os trabalhadores das forças de segurança devem apresentar uma declaração que exercem as atividades previstas pelo Ministério da Saúde, além da carteira funcional.

A aplicação do imunizante nesse grupo será no laboratório da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), localizado na rua Lobo da Costa, 1.764, de acordo com o seguinte calendário:

– terça-feira (6) – policiais civis e bombeiros; e,

– quinta-feira (8) – policiais militares da Brigada Militar.

Os agentes da Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe) serão vacinados na Unidade de Saúde do Presídio.

Agilidade garantida com o formulário

O formulário de vacinação pode ser levado previamente preenchido pelos idosos, tanto nos drive-thrus quanto nas escolas. Ele está disponível para download no hotsite do coronavírus, na aba ‘Formulário de Vacinação’.

Quem optar por levar o documento precisa responder às questões que se encontram nas caixas com a indicação “preenchimento em letra de forma pelo paciente”. É importante ressaltar que não se trata de uma obrigação do cidadão, mas uma forma do poder público agilizar o acesso da população à vacina.

O que é importante saber antes de se vacinar

Os casos que devem apresentar atestado médico, na hora de receber o imunizante, são:

– portadores de doenças reumáticas imunomediadas;

– pacientes oncológicos, transplantados ou demais casos de imunossuprimidos; e,

– pessoas que apresentaram reação anafilática confirmada a uma dose anterior de vacina Covid-19 ou a qualquer componente dos imunizantes.

Além disso, quem faz uso de imunoglobina humana deve se vacinar com, pelo menos, um mês de intervalo entre a administração da imunoglobina e o imunizante, a fim de evitar que ocorra interferência na resposta imunológica. Não devem ser vacinadas aquelas pessoas que apresentarem sintomas gripais ou demais doenças febris nas últimas quatro semanas.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.